sábado, 8 de agosto de 2015

Suplica
















 
 
Suplica

 Põe teus olhos em mim Senhor 
Não deixa meus passos vacilarem 
A vida passa, é tão rápida e incerta
Preciso do teu cuidar na hora certa
 

As vagas são danosas intinerantes
Os dias enganosos em seus instantes
As passagens incertas em nossos dias
Mas teus olhos não dormitam noite e dia

Se nas tuas virtudes esta minha calma
Ou em paixões esvai-se minha alma
Se a mente mente em minha fantasia
Imploro que me livres desta agonia

Os sonhos me traem mesmo assim
Vou esbarrando num futuro aparente
De belo principio,meio, e de repente
Em pesadelo deparo-me com o fim

Mas vou acreditando em ti Senhor Jesus
Pelo que prometeste a mim lá no jardim
Estarei confiante e esperançosa enfim
Se Teus olhos estiverem sobre mim

Alma Gort


Forum poesias