sábado, 27 de agosto de 2016

Desejo






  Desejo


Deixa -me perder neste jogo do amor

Tua lembrança que acende meu
desejo

Na ansiedade busco meu momento

E vivo contigo o que não existe...
contigo

Só eu testemunho de tal fantasia
       Quando penso em momentos tais        

                           viver 


Que crio em ilusões quase tão reais

Teu corpo cobrindo e aquecendo o meu

Chega a noite cativa meu momento

Me prende um amor real e medonho
sonho

Porém não é pecado pensar ter ilusão!

Fecho os olhos sinto teu corpo inteiro
em paixao

O amor que me prende fascinado

A fantasia de um momento único

Aonde vou ao paraíso do desejo
contigo.


Alma Gort

Forum poesias